E-SIC (Serviço Eletrônico de Informação ao Cidadão)

A Cidade - Notícias

sexta-feira, 22 de junho de 2018

GUAXUPÉ TEM PONTUAÇÃO HISTÓRICA NO INSTITUTO ESTADUAL DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DE MINAS GERAIS

GUAXUPÉ TEM PONTUAÇÃO HISTÓRICA NO INSTITUTO ESTADUAL DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DE MINAS GERAIS
Cidade é reconhecida por trabalho de valorização e preservação do patrimônio
 
 
O IEPHA (Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais) divulgou nesta semana a pontuação dos municípios mineiros de acordo com o trabalho desenvolvido na área de conservação de seus patrimônios históricos e culturais. Guaxupé foi a cidade da região melhor avaliada, atingindo 15,6 pontos. Cidades bem maiores, como Alfenas, Poços de Caldas e São Sebastião do Paraíso tiveram uma pontuação menor. O resultado refletirá positivamente para que Guaxupé tenha um repasse considerável de ICMS, podendo assim, continuar e até mesmo ampliar o serviço de valorização e preservação do patrimônio.
 
 
Desde 1997, com a criação do Conselho Deliberativo Municipal do Patrimônio Histórico e Cultural de Guaxupé (CDMPHC), o Município trabalha a promoção, preservação, manutenção e conservação do patrimônio cultural na cidade, de forma a impedir a descaracterização de bens culturais de natureza material e valorizar os de natureza imaterial.
 
“O Conselho, por meio de sua equipe técnica, realiza tombamentos e inventários de bens materiais móveis ou imóveis, bem como registros de nossos bens imateriais, como, por exemplo, a Festa das Orquídeas, o primeiro bem cultural imaterial registrado de Guaxupé”, explicou Inácio Abrantes, historiador e membro do Conselho.
 
Toda a documentação resultante deste trabalho é encaminhada, anualmente, ao Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA), que, após analise, pontua os municípios de acordo com o trabalho desenvolvido na área de conservação de seus patrimônios históricos. A partir da pontuação obtida, as cidades recebem recursos provenientes do ICMS Patrimônio Cultural (Lei Estadual 18.030/2009), distribuídos pelo Estado de Minas Gerais.
 
“O município de Guaxupé, há duas décadas, tem obtido uma boa pontuação junto ao IEPHA, resultado de um trabalho sério, responsável e persistente. E foi este trabalho que garantiu à cidade de Guaxupé em 2018 – Exercício 2019, a melhor pontuação já conquistada: 15,60 pontos, uma das maiores da região, superando até cidades maiores do que a nossa”, finalizou Inácio.
 
Veja abaixo como ficou a pontuação de outras cidades conhecidas na região:         
 
Guaranésia: 6,98
Passos: 14,40
Alfenas: 2,80
Paraíso: 10,55
Muzambinho: 3,49
Juruaia: 8,80