E-SIC (Serviço Eletrônico de Informação ao Cidadão)

A Cidade - Notícias

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

COM PERMISSÃO DOS ÓRGÃOS AMBIENTAIS, PREFEITURA RETOMARÁ CAPINA QUÍMICA EM GUAXUPÉ

COM PERMISSÃO DOS ÓRGÃOS AMBIENTAIS, PREFEITURA RETOMARÁ CAPINA QUÍMICA EM GUAXUPÉ
Produto utilizado é autorizado pelo IBAMA e não agride o meio ambiente
 
No início da tarde desta quinta-feira (28) a Prefeitura informou que retomará a capina química na limpeza pública da cidade. O serviço que estava paralisado há aproximadamente 02 anos, agora será realizado com produto exclusivo no mercado e que atende todas as normas para não agredir o meio ambiente. O produto “Arsenal” é o único no Brasil registrado no IBAMA e já é utilizado em outras prefeituras, como Itajubá, localizada também no Sul de Minas.
 
De acordo com Artur Gonçalves Filho, secretário de Governo e Planejamento, que conduziu a apresentação do produto à imprensa, o Arsenal não agride o meio ambiente e para sua aquisição, todos os estudos foram realizados, até mesmo com permissão do Ministério Público e Polícia Ambiental.
 
Para se ter ideia, o litro de mata-mato conhecido por Roundup custa em torno de R$20,00 (vinte reais), porém não é permitido seu uso na cidade, uma vez que ocasiona problemas ao meio ambiente. Já o Arsenal, permitido o uso na cidade, tem o custo médio por litro em torno de R$195,00 (cento e noventa e cinco reais), praticamente 10 vezes o valor do Roundup.
 
A aplicação do produto, segundo a diretora de Meio Ambiente, Rafaela Soares, será feita no período noturno, das 21 às 06 horas da manhã: “As pessoas podem ficar tranquilas que o Arsenal não trará nenhum problema nem ao meio ambiente, nem à população de forma geral e nem mesmo aos animais. Estivemos em Itajubá e conhecemos de perto a aplicação do produto. Estudamos a sua fórmula e levamos ao conhecimento do Ministério Público e Polícia Ambiental”, explicou.
 
A capina química deverá ser iniciada nesta sexta-feira (01), uma vez que dependerá das condições climáticas para sua aplicação. Para eficácia do produto, o trabalho não pode ser realizado com períodos de chuva.