E-SIC (Serviço Eletrônico de Informação ao Cidadão)

A Cidade - Notícias

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

EQUIPE GUAXUPEANA DE BASQUETE SUB 23 É CAMPEÃ DOS JOGOS DA JUVENTUDE 2019

EQUIPE GUAXUPEANA DE BASQUETE SUB 23 É CAMPEÃ DOS JOGOS DA JUVENTUDE 2019

A equipe de basquete de Guaxupé chegou à fase final em primeiro lugar do ranking de forma invicta, seguida pelas cidades de Lavras, Passos e Muzambinho. A grande final aconteceu na cidade de Três Corações entre os dias 04 e 06 de outubro. Guaxupé enfrentou a equipe de Muzambinho nas semifinais, sagrando-se vencedora pelo placar de 67 x 54. Com esse placar Guaxupé seguiu para a final contra a equipe da cidade de Lavras.
 
No domingo de manhã entraram em quadra os atletas Edson Neto, Leonardo Ferreira, Jefferson Almeida, Igor Cruz, Vinícius Augusto, Gabriel Zambello, Ryan Modolo, Ruan Alessandro, Jean Lucas, Isacauin Arquimedes e Gabriel de Souza.
 
Sob a orientação do técnico de basquete da cidade,Roberto Stampone Júnior, a equipe de Guaxupé abriu o placar e seguiu na frente durante toda a partida, no entanto, com uma pequena vantagem. Faltando 28 segundos para o final da partida o placar do jogo era 58x57 para Guaxupé, tornando o final eletrizante.
 
A equipe de Guaxupé com uma marcação muito forte e motivada “roubou” a bola e partiu para o ataque, fazendo com que os jogadores da equipe de Lavras fossem forçados a cometer falta para que o jogo fosse paralisado: “Neste momento a experiência fez a diferença, onde o jogador de Guaxupé, Gabriel de Souza, acertou um lance livre e ao errar o segundo, o jogador Igor Cruz, bem posicionado, pegou o rebote e também sofreu falta, conseguindo acertar os dois lances e  acabando com as esperanças de vitória da equipe de Lavras que perdeu a partida para Guaxupé de 61x57, conquistando assim a primeira colocação de forma invicta”, disse o técnico.
 
Durante a cerimônia de premiação dos jogos a equipe teve a grata surpresa de ter três de seus jogadores eleitos para a seleção da final: Jeferson Almeida –eleito melhor ala direito , Isacauin Arquimedes – melhor pivô e Igor Cruz como melhor ala esquerdo.
 
Além disso, o jogador Igor Cruz foi agraciado com os prêmios individuais de Cestinha da Competição com 158 pontos, melhor jogador da final e melhor jogador da competição.
 
“Essa geração vem tendo destaque desde 2013, sendo ela vice campeã do sub15, campeã do sub17, vice do sub20 e agora campeã no sub23”, comemorou o técnico da equipe de Guaxupé.